TITLE

DESCRIPTION

Dicas para planejar a sua primeira viagem ao exterior

Vai fazer sua primeira viagem internacional? Para muitos leitores nossas promoções de passagens aéreas são a oportunidade perfeita de realizar o sonho de embarcar para outro país. Nesse post daremos algumas dicas importantes e informações básicas para você fazer sua primeira viagem internacional!

Primeira viagem internacional: o guia básico

Aproveitou uma super promoção de passagens? Reservou sua viagem! Pode comemorar! Agora, com os ânimos mais calmos e a confirmação recebida pela companhia aérea, é hora de botar a cabeça no lugar e começar a pensar nas férias! E como é bom organizar uma viagem, especialmente para o exterior. Se você é um desses leitores que estão embarcando pela primeira vez para um destino internacional, não se preocupe. Temos certeza que este é apenas o começo da descoberta deste mundão! Vamos às dicas! 

 

 

Primeiro passo: Passaporte, visto e vacinas

Na hora da correria para aproveitar as tarifas inacreditáveis muita gente não deve ter se lembrado que o passaporte é um item quase obrigatório para quem busca um destino internacional. Dizemos quase obrigatório porque ele não é necessário para vários destinos da América do Sul. Porém para a grande maioria do mundo ele é o documento padrão. Sendo assim, se você não tem o passaporte ou ele está com a validade vencida, é hora de correr atrás do prejuízo. E quanto mais rápido melhor. Não deixe para tirar o passaporte na última hora, nunca se sabe quando pode acontecer um problema na emissão do documento.

 

 

Caso o seu passaporte esteja perto de vencer, não deixe de consultar as regras do país para o qual você está embarcando. Alguns exigem que o passaporte tenha o mínimo de 6 meses de validade. Outros pedem apenas que o documento esteja válido para o período da viagem. Não vale correr o risco de ser deportado. Por isso, consulte atentamente as regras do seu destino.

 

 

Com o passaporte em mãos é hora de descobrir se o país para o qual você está embarcando exige ou não visto para brasileiros. Se você tem conexão nos Estados Unidos lembre-se que o visto americano é obrigatório, independente do país ser apenas uma parada até o destino final. Se você não tiver o visto americano nem poderá embarcar. Países como China, Japão, Canadá, Austrália e casos especiais como Dubai exigem que o visto seja retirado antes do embarque, assim como os Estados Unidos. Logo que estiver com o passaporte em mãos dê entrada no pedido de visto (especialmente quem já está com a passagem comprada) para não correr o risco de perder a viagem. As regras, documentos e valores para retirada do visto variam de acordo com o país de destino. Alguns países fogem à regra, fornecem o visto e cobram as taxas no momento da imigração, como a Indonésia, por exemplo.

 

 

É importante lembrar que alguns países exigem comprovante internacional de vacina contra diferentes doenças. A principal delas é contra a febre amarela. Verifique se este é o caso do seu destino e providencie o Certificado Internacional de Vacinação e Profilaxia (CIVP). Consulte o site da ANVISA e veja o local mais próximo para emissão do documento e para tomar as doses das vacinas exigidas. 

 

 

Assento, refeição e programa de milhas

Passado o furor da compra é hora de pensar nos benefícios que você pode receber com a viagem. Na correria de aproveitar a promoção é normal passar batido por vários detalhes que podem deixar a sua viagem bem mais agradável. Com o e-ticket em mãos, volte à sua reserva e verifique detalhes como assento, refeições e programa de milhas.

 

 

Os aviões que decolam para destinos internacionais costumam ser bem maiores, o que dificulta na hora de escolher a poltrona. Com a ajuda de alguns sites especializado, como Seat Guru, Expert Flyer e Seat Plans é possível descobrir qual o melhor assento do avião que fará o seu voo. Quem sabe você não consegue reservar um assento conforto sem pagar taxa extra ou mesmo tentar um upgrade para a executiva pagando bem baratinho? É preciso estar atento às opções oferecidas pela companhia aérea. E quanto mais cedo você marcar o lugar, maior será a chance de conseguir uma boa poltrona. Por isso, não deixe para escolher apenas na hora do check-in. Isso não quer dizer que ao chegar no aeroporto você não possa pedir um upgrade. Quem sabe não é o seu dia de sorte e você consegue! 

 

 

Outra escolha permitida depois da compra da passagem é a refeição servida à bordo. Você poderá optar pelos pratos comuns a todos os passageiros ou, caso tenha algum tipo de dieta restritiva, pedir um prato especial para você. As companhias aéreas costumam oferecer refeições para dietas sem glúten, lactose, carnes e outros. Se o pedido for muito especial entre em contato com a companhia aérea por telefone. Pessoas que precisem de atendimento especial, como passageiros com dificuldades de locomoção, também devem explicitar os pedidos. 

 

 

Outro benefício que pode ser garantido antes do embarque é o acúmulo de milhas. O processo é semelhante ao dos voos nacionais, com a diferença de poder pontuar em companhias aéreas parceiras. Ou seja, mesmo voando de American Airlines, por exemplo, você poderá pontuar na Latam ou em qualquer uma das companhias aérea do programa Oneworld. Caso queira pontuar na mesma companhia aérea que opera o voo, você precisará se cadastrar antes do embarque. A opção pelo acúmulo de milhas pode ser feita antecipadamente pelo site da companhia, na hora do check-in ou após o voo. Porém o ideal é fazer antes, assim você não enfrentará toda a burocracia do pedido após o voo.

 

 

Fonte: www.melhoresdestinos.com.br

Compartilhar:

Contato

Cadastre seu e-mail e receba promoções exclusivas!

Seu Telefone (obrigatório)