TITLE

DESCRIPTION

15 Tradições de diferentes países que surpreendem o resto do mundo

A maioria de nós provavelmente já experimentou algum choque cultural alguma vez na vida, mesmo dentro do nosso próprio país.

E, se considerarmos as diferenças culturais entre os países, as surpresas podem ser ainda maiores. Por exemplo: se viajarmos ao Egito, poderemos estranhar o fato de que uma noiva é beliscada por seus amigos antes de um casamento para ter boa sorte. Apesar das surpresas “desagradáveis”, como a falta de papel higiênico na Índia, as tradições podem mostrar algo valioso sobre cada país e sua cultura.

Apresentamos 15 tradições surpreendentes que seguem confundindo muitas pessoas.

1. Não há papel — Índia

Muitos viajantes se surpreendem ao descobrir que, na Índia, não há papel higiênico em boa parte dos banheiros. De fato, o que se usa para a higiene é a água de um recipiente que se encontra ao lado do vaso sanitário. O uso do papel é considerado uma má ideia, já que poderia obstruir os canos e gerar resíduos adicionais.

 

 

2. Depois de um casamento, não se pode usar o banheiro — Indonésia

Na comunidade de Tidong, na Indonésia, os recém-casados não podem ir ao banheiro durante os 3 dias posteriores ao casamento. Se o fizerem, considera-se que atraem má sorte para seu casamento. Os membros das famílias vigiam os recém-casados e asseguram que não romperão essa tradição, além de fornecer a eles apenas pequenas quantidades de comida e água.

 

 

3. Saudações cuspindo — Masai

Enquanto cuspir é considerado totalmente grosseiro em várias culturas e, no Brasil, é um ato visto até mesmo como ofensivo, na tribo queniana Masai é a forma utilizada para saudar e mostrar respeito. Os membros do grupo cospem nas mãos antes de estendê-las, e também fazem isso aos bebês recém-nascidos ou até com noivas perto do casamento para abençoá-las e desejar boa sorte.

 

 

4. Não se presenteia com rosas amarelas — México

As rosas são um presente ideal para mostrar bons sentimentos em qualquer parte do mundo. Entretanto, ao escolher a cor, alguns países relacionam significados especiais com certas flores. No México, é melhor dar uma rosa vermelha tradicional do que escolher uma amarela, que significa a morte na cultura local.

5. Quebrar os pratos antes de um casamento — Alemanha

Algumas semanas antes de um casamento na Alemanha, realiza-se uma tradição conhecida como Polterabend, que consiste em levar louça de cerâmica à casa dos noivos para quebrá-la. Logo, a noiva e o noivo devem limpar a desordem. Acredita-se que esse ritual traga boa sorte, além de estimular, desde o início, o trabalho em equipe entre marido e mulher.

 

 

6. Jogar canela sobre pessoas solteiras — Dinamarca

Uma antiga tradição dinamarquesa do século XVI que existe até hoje. Se uma pessoa permanece solteira em seu aniversário, seus amigos devem jogar canela sobre ela. O costume faz referência aos comerciantes dinamarqueses que, muitas vezes, não tinham tempo para se casar devido às viagens de trabalho.

 

 

7. Chegar tarde — Venezuela

Mesmo no caso de um evento importante, como uma reunião ou uma festa, na Venezuela é comum que as pessoas cheguem mais tarde do que o planejado originalmente. Os venezuelanos possuem um ritmo relaxado quando se trata de negócios e de grandes eventos sociais e são pouco pontuais simplesmente porque isso significa fazer uma grande entrada.

 

 

8. Não fazer tim-tim antes de beber — Hungria

Ao visitar a Hungria, você poderá ficar surpreso ao descobrir que as pessoas não batem as taças na hora do brinde. Essa tradição histórica é remetida a 1848, quando a Áustria derrotou a revolução húngara e a celebrou dessa maneira. Como resultado, os húngaros decidiram não bater com suas taças durante 150 anos.

9. Ser mordido por formigas tocandira — Brasil

Criança colocando luvas com formigas tocandira pela primeira vez na vida

Na tribo brasileira Sateré-Mawé, quando uma criança chega à maioridade, deve realizar uma dança tradicional enquanto usa luvas cheias dessa espécie de formiga. A cerimônia é particularmente desafiante, já que a picada desses insetos é uma das mais dolorosas do mundo.

 

 

10. Bungee jumping para uma boa colheita — Vanuatu

Na ilha de Pentecostes, em Vanuatu, o bungee jumping é um ritual realizado pelos homens para assegurar uma boa colheita. Pulando de altas torres de madeira, com nada mais que plantas videiras ao redor do tornozelo, as pessoas acreditam que podem melhorar sua saúde física e trazer boa sorte durante a temporada da colheita de mandioca.

 

 

11. Usar chapéus engraçados quando é solteiro — França

Na França, no dia 25 de novembro, é celebrada a fête de la Sainte-Catherine, a jovem padroeira das mulheres solteiras. Nesse dia, as damas que alcançaram os 25 anos e não têm cônjuges usam chapéus verdes e amarelos, que simbolizam sabedoria e fé. Enquanto algumas celebram o dia com a esperança de casar-se em seguida, outras simplesmente abraçam a solteirice com orgulho.

12. Jogar móveis pela janela — África do Sul

Parece que a frase “quem gosta de passado é museu” foi levada muito a sério em algumas partes da África do Sul, onde as pessoas jogam móveis antigos pela janela.

Na véspera do Ano Novo, muitos países celebram a data com fogos de artifício, enquanto que, na África do Sul, vem persistindo um tipo diferente de tradição desde o fim do apartheid. Para receber o ano que chega, as pessoas jogam seus móveis pelas janelas. Esse costume é vigiado pelas forças policiais para garantir que ninguém fique ferido.

 

 

13. Reuniões de negócios na sauna — Finlândia

A sauna é uma parte importante da cultura finlandesa, que serve não somente como um ambiente de relaxamento, como também como um lugar para discutir assuntos de negócios ou política. De fato, é uma tradição comum no mundo empresarial colegas ou sócios comerciais irem à sauna para fazerem negócios.

 

 

14. Chorar antes de um casamento — China

Enquanto em muitas culturas um casamento é uma cerimônia cheia de risos, na China, uma cerimônia tradicional é precedida por uma noiva que chora um mês antes da celebração. Depois de alguns dias, ela se une à sua mãe e a outros membros da família para mostrar alegria por seu futuro matrimônio.

 

 

15. Não use sua mão esquerda — Oriente Médio

Em vários países do Oriente Médio, cumprimentar alguém ou comer com a mão esquerda pode ser considerado grosseiro ou até anti-higiênico. Essa extremidade é usada para a higiene depois de ir ao banheiro, e é considerada uma mão suja que nunca se usa na mesa ou para cumprimentar os amigos.

Que tradição o surpreendeu mais? Que costumes únicos existem em seu país? Compartilhe conosco sua opinião nos comentários!

 

Fonte: https://incrivel.club/

Compartilhar: