TITLE

DESCRIPTION

Dicas práticas para a sua primeira viagem à Grécia

Você está planejando viajar para a Grécia pela primeira vez?

Já pensa na emoção de navegar pelas ilhas gregas, explorar a emblemática Acrópole de Atenas e conhecer Olímpia: origem dos Jogos Olímpicos da Antiguidade? Imagina que ouvirá muitas pessoas falando grego e sonha com o sabor das receitas e vinhos tradicionais? Idealiza que precisará programar mais retornos de tão especial que é esse destino? Asseguro a você que este é apenas o início do fascínio que esse país nos causa.

 

 

Os atrativos são tantos que para aproveitar melhor é preciso identificar o estilo de sua viagem e quanto tempo você terá. Assim, saberá o que priorizar.

 

 

O que visitar

Além da milenar, moderna e imprescindível capital Atenas, a outra grande preferência dos turistas é pelas ilhas, que por serem inúmeras, a melhor forma de conhecê-las é separando-as por arquipélagos. Dentre as mais clássicas estão: Santorini e Mykonos, nas Cíclades; Creta e Rhodos, no Dodecaneso; Corfu e Zakynthos, nas Jônicas.

 

 

Se a pretensão de suas férias estiver no âmbito cultural, tendo Atenas como base de partida, há uma série de “joias escondidas” na região do Peloponeso: Micenas, Epidavros, Nafplion, Olímpia e Monemvasia.

 

 

Em um cruzeiro pelas ilhas do Argosarônico, você visitará: Egina, Poros, Spetses e Hydra.

 

 

Querendo complementar sua estada com uma excursão de meio dia, inclua um passeio ao Cabo Sounio e aprecie as ruínas do templo de Poseidon. Visitando a histórica cidade de Marathona, ficará onde gregos venceram os persas na batalha de Marathona 490 a.C. Fidípides correu para Atenas, para falar a vitória e após anunciá-la, caiu morto. Dando origem à corrida de Marathon.

 

 

Delphi (Delfos) e Meteora são Patrimônio Mundial da UNESCO. O sítio arqueológico de Delfos é um dos mais famosos da Grécia. E em Meteora, você se surpreenderá com os seis incríveis mosteiros construídos no topo das rochas, que possuem entre 305 e 549 metros de altura.

 

 

Quando ir

Com estações do ano bem definidas, os meses mais turísticos da Grécia vão de maio até outubro. O inverno acontece de dezembro a março, período de baixa estação em que algumas ilhas ficam praticamente desertas, retomando o fluxo ao final de março, início da primavera, que vai até junho quando começa a alta estação. O verão é o período mais esperado do ano, com duração até setembro. Agosto é o ápice da alta temporada, com preços altíssimos e super lotação. Já no outono, de setembro a dezembro, há a retomada da baixa estação.

 

 

 

Fonte: www.brasileiraspelomundo.com

Compartilhar:

Contato

Cadastre seu e-mail e receba promoções exclusivas!

Seu Telefone (obrigatório)