Seychelles, um dos destinos mais paradisíacos do mundo

Com praias de tirar o fôlego, Seychelles é um daqueles destinos “tem que ir” mais exclusivos do mundo para os apaixonados por praias com águas cristalinas e muito sol.

Quem conta sobre esse paradisíaco destino é nossa nova colunista Victória Carvalho.

Seychelles, África – Quem procura um lugar paradisíaco para não pensar em nada, apenas relaxar e descansar, Seychelles definitivamente é o lugar. Um detalhe que poucos sabem é que Seychelles é um país – e com o IDH mais alto do continente africano. Arquipélago formado por 115 ilhas, onde algumas são tão exclusivas que o acesso só é possível através de helicóptero. Mas este pequeno país vai muito além das suas praias com areias claras e águas cristalinas, aqui existe uma das maiores faunas marinhas do mundo, Seychelles produz seu próprio rum, o Takamaka, e é o único lugar onde se encontra o fruto Coco de Mer em estado selvagem. São três as principais ilhas em Seychelles: MahePraslin e La Digue. Abaixo falamos um pouco sobre cada uma delas.

 

 

Mahe

Seychelles tem três línguas oficiais: inglês, francês e o crioulo de Seychelles. Com essa informação, pode-se concluir que a grande maioria dos turistas da ilha são europeus, ou mais especificamente, franceses. Da Europa, Paris é a única cidade com voos diretos para Seychelles. Assim como Dubai, que também tem voos diretos. Mahe é a principal ilha do país e é aqui onde fica a capital, Victoria, e o aeroporto internacional. É de Victoria que saem todos os barcos para passeios e que também são utilizados como meio de transporte para as outras ilhas. A maior atração turística desta ilha são as praias de areia clara, água em tons de turquesa (e limpa!) e vegetação exuberante. Para quem for se hospedar aqui, a melhor pedida é escolher um dos muitos resorts all inclusive e aproveitar o que a ilha tem de melhor: praticar atividades esportivas como stand-up paddle, fazer caiaque, snorkel, descansar e relaxar.

 

 

Bem próximo de Mahe, a apenas 5km de barco, encontra-se o Parque Nacional Marinho Sainte Anne. Ele abriga seis ilhotas e foi criado para preservar a fauna marinha de Seychelles. Existem algumas opções para se fazer este passeio: catamarã, barco ou lancha. Por se tratar de um Parque Nacional Marinho, a pesca e a prática de atividades esportivas aqui são proibidas. Em uma das ilhotas do Parque, a Moyenne Island, é possível fazer uma trilha com vistas de tirar o fôlego e ainda ver as famosas tartarugas gigantes, um dos símbolos de Seychelles.

 

 

La Digue

É a ilha mais charmosa de Seychelles. Aqui não há aeroporto e o número de carros na ilha é limitado, por isso o meio de transporte mais popular é a bicicleta. A única forma de chegar na ilha é através de ferry, mas todo esforço para chegar aqui vale a pena, pois é onde tem uma das praias mais lindas e fotografadas do mundo, a famosa Anse Source D’Agent. Particularmente, eu nunca vi nada parecido na minha vida, o cenário é realmente de tirar o fôlego. Que lugar especial!

 

 

Praslin

Depois de Mahe, esta é a segunda maior ilha do arquipélago. Para chegar aqui existem duas opções: hidroavião ou ferry. Em Praslin fica o Vallée de Mai, uma floresta com palmeiras gigantes, que dão o famoso fruto Coco de Mer, outro símbolo de Seychelles. É o único lugar do mundo onde o fruto se encontra em estado selvagem. E é em Praslin também que se encontra a praia Anse Lazio, frequentemente considerada uma das mais lindas do mundo. Com areia fina e branquinha, água em tons de turquesa e cristalina, vale a pena chegar cedo e aproveitar este paraíso!

 

 

 

Fonte: www.viagemegastronomia.com.br

Compartilhar:

Contato

Cadastre seu e-mail e receba promoções exclusivas!

Seu Telefone (obrigatório)